Águas de Juturnaíba

Em março de 1998, a concessionária Águas de Juturnaíba assumiu a distribuição de água, coleta e tratamento de esgoto nas cidades de Araruama, Saquarema e Silva Jardim, na Região dos Lagos do estado do Rio de Janeiro.

Nesta época, apenas 0,7% da população tinha esgoto tratado e o sistema de abastecimento de água apresentava vazão de 600 litros por segundo (l/s).

Resultados

Atualmente, 98,6% da população têm acesso a água tratada, e a cobertura de esgoto tratado é de 72,6%.
Até o momento, foram realizadas a ampliação da capacidade de tratamento de água da ETA Juturnaíba, de 600 para 1.100 l/s, que correspondem a 95 milhões de litros por dia, além da construção de seis unidades de tratamento de esgotos responsáveis pelo tratamento de 25 milhões de litros por dia. A concessionária tem mais três unidades em processo de construção.

Das seis estações, duas delas (Araruama e Silva Jardim) utilizam o sistema de tratamento do tipo wetland. O processo busca reproduzir os ciclos naturais, utilizando o esgoto como fonte de nutriente para plantas, permitindo que sua devolução ao meio ambiente seja feita de forma correta, gerando um efluente adequadamente processado.

A ETE Ponte dos Leites é a maior Estação de Tratamento de Esgoto da América Latina que utiliza o sistema wetland. A estação chama a atenção por utilizar elementos da natureza no processo de tratamento de esgoto, além de possuir uma área de preservação ambiental. A ETE foi inaugurada em 2005 e, com a ampliação, em fevereiro de 2009, aumentou sua capacidade de tratamento de esgoto de 100 para 200 litros por segundo.
Em Araruama, a concessionária mantém um projeto socioambiental, em parceria com a cooperativa de tecelagem ‘Nós na Trama’, que transforma papiros e sombrinhas chinesas, resultantes da estação de tratamento de esgoto, em diversos brindes artesanais, utilizados por Águas de Juturnaíba e pelo Grupo.

A empresa também investe em compostagem dos resíduos para gerar adubo orgânico usado em reflorestamento e paisagismo na região.

Desde 2011, a concessionária realiza importantes parcerias com órgãos municipais para o desenvolvimento de projetos, como o ‘Horta Escola’, programa em que crianças da rede municipal de educação têm contato com o plantio e cultivo de produtos em uma área reservada da ETA Juturnaíba.

Ao longo dos 50 anos de concessão, a empresa pretende investir aproximadamente R$ 400 milhões na cidade.

A meta é que, até 2023, a população tenha 90% do seu esgoto tratado, além da universalização das áreas urbanas no abastecimento de água potável. Águas de Juturnaíba também planeja a ampliação de suas seis ETEs, melhorando cada vez mais o volume e o nível de tratamento, a construção de novas estações de esgoto e a ampliação e implantação dos Sistemas de Coleta e Bombeamento de Esgotos.