29 de setembro de 2017

WhatsApp Image 2017-09-28 at 17.00.56Águas de Niterói, em parceria com a Prefeitura de Niterói, deu início, nesta quarta-feira (27/09), ao lançamento da obra da Estação de Tratamento de Esgoto (ETE) Sapê. Com previsão de conclusão para o fim de 2018, a unidade será a nona da cidade, terá capacidade para tratar 63 litros por segundo e atenderá cerca de 30 mil pessoas nos bairros Sapê, Ititioca, Santa Bárbara e Caramujo.

Na ocasião, o superintendente da Águas de Niterói, Nelson Gomes, adiantou que serão implantados cerca de 40 mil metros de rede coletora de esgoto e serão construídos mais de cinco mil linhas de recalque (tubulações) e 35 elevatórias (equipamento que bombeia o efluente até a ETE). Além disso, serão investidos aproximadamente R$ 34 milhões, que fazem parte do projeto de universalização do esgotamento sanitário em Niterói.

WhatsApp Image 2017-09-28 at 16.58.29“A região de Pendotiba já foi contemplada em dezembro de 2015 com a primeira ETE construída em Maria Paula. Agora, o próximo passo é a construção da ETE Sapê. Lembrando que ainda está previsto a implantação da ETE Badu”, ressalta.

O prefeito de Niterói, Rodrigo Neves, ressaltou que essa parceria vem rendendo conquistas importantes para a cidade. Atualmente, o município ocupa o primeiro lugar em saneamento básico no estado do Rio de Janeiro, de acordo com o Instituto Trata Brasil.

“Esta ETE será muito importante também para a preservação de rios e lagoas, além de somar com todo o investimento que estamos realizando nesta região, como a inauguração da creche Sapê”, enfatiza.

WhatsApp Image 2017-09-28 at 16.54.37De acordo com a secretária de Conservação e Serviços Públicos, Dayse Monassa, este é um importante passo na universalização do serviço de saneamento básico na cidade.

“Com a ETE do Sapê reduziremos a poluição na Baia de Guanabara, além de melhorar a saúde da população, através da redução das doenças de veiculação hídrica”, diz.