19 de janeiro de 2017

alta programa de estagioO Grupo Águas do Brasil, líder no setor de concessões privadas prestadoras de serviços de saneamento básico no país, abriu 34 vagas de estágio para o programa 2017. As oportunidades são para os estados do Rio de Janeiro, São Paulo e Minas Gerais, para estudantes cursando do 4º ao 10º período nas áreas de administração, arquivologia, ciências biológicas, ciências contábeis, ciências da computação, direito, economia, engenharia (civil, produção, química, ambiental, mecânica e automação), recursos humanos, psicologia, técnico em química e técnico em meio ambiente.

As inscrições para o programa 2017, que conta com a parceria do Centro de Integração Empresa-Escola (CIEE), podem ser feitas até o dia 25 de janeiro no site (clique aqui). Além da bolsa-auxílio, a empresa oferece vale transporte, vale refeição, seguro de vida e férias (de 15 dias a cada seis meses ou de 30 dias a cada ano). O programa tem duração de até dois anos com carga horária de 6 horas diárias.

O processo seletivo é composto por triagem dos currículos, aplicação de provas de conhecimentos gerais, português e raciocínio lógico, além de testes psicológicos. Os estudantes também participam de dinâmica de grupo e entrevistas individuais.

“Nosso programa tem o objetivo de atrair e formar jovens talentos alinhados com a cultura e valores do Grupo Águas do Brasil. Investimos na formação através de treinamentos técnicos e comportamentais, contribuindo para o conhecimento acadêmico e para o crescimento profissional dos nossos estagiários”, explica a superintendente de Recursos Humanos, Elizabeth Maia.

O engenheiro Igor da Silva dos Anjos entrou no Grupo Águas do Brasil por meio do Programa de Estágio 2015. Hoje, ele atua como analista de projetos e automação da Estrutura de Gestão do Negócio (EGN).

“O período de estágio foi de grande importância para a minha formação profissional, complementando e concretizando os conceitos apresentados durante o curso de graduação. Foi possível utilizar as lições aprendidas em grande parte das matérias e interligá-las, possibilitando compreender e solucionar os problemas que surgem no ambiente profissional”, avaliou Igor.