Utilizando tecnologia inovadora denominada CASS – Cyclic Activated Sludge System: Sistema Cíclico de Lodos Ativados, por batelada, o sistema garante maior eficiência operacional, redução de área ocupada comparada ás estações convencionais, além de minimizar a emissão de odores. O tratamento é biológico, ou seja, sem a utilização de produtos químicos.

O moderno sistema permite a remoção de até 95% da carga biológica e de poluição dos esgotos, índices superiores aos exigidos por lei, correspondentes a 82%.

A SANEJ garantiu à cidade de Jaú o pioneirismo no Brasil na utilização desse sistema, colocando-a no mapa das cidades brasileiras bem resolvidas com suas questões básicas, alçando-a aos mais altos expoentes no que se refere ao saneamento básico no país.