Águas da Condessa fez importantes melhorias no sistema de abastecimento da cidade nos três primeiros meses de atuação

 

 

A concessionária Águas da Condessa, que assumiu os serviços de saneamento básico de Paraíba do Sul no dia 26 de dezembro de 2020, promoveu, nos três primeiros meses de serviços, grandes melhorias no abastecimento da cidade. Medidas como automação de 80% do sistema, fluoretação da água oferecida e trocas de redes obsoletas vêm aumentando significativamente a segurança no abastecimento para a população.

 

A concessionária encontrou um sistema de abastecimento precário, o que implicaria em total desabastecimento da cidade em caso de parada do único conjunto de bombeamento (motobomba) instalado para atender toda a população. Logo nos primeiros dias, o conjunto inoperante foi reparado e, com a manutenção do equipamento em operação e a disponibilização de um conjunto reserva, reduziu a possibilidade de desabastecimento. Também foi instalado um inversor de frequência, tecnologia mais segura para acionamento de motores com potência elevada.

 

A dosagem de produtos químicos encontrada era ineficiente ou inexistente. A maior parte da dosagem era feita de forma manual, trazendo imprecisão ao processo. Para melhorar a qualidade da água oferecida, Águas da Condessa instalou bombas dosadoras automáticas, além de diversos equipamentos para dosar esses produtos e melhorar todo o processo de tratamento da água oferecida à população. Um ponto importante foi a instalação de uma bomba dosadora de flúor, fazendo com que a população passasse a receber água fluoretada, de acordo com o padrão recomendado pela Organização Mundial de Saúde (OMS). Com todas essas medidas, a concessionária está realizando um abastecimento pleno e de qualidade, com água tratada e monitorada.

 

O sistema de abastecimento de água, que ocorria de forma intermitente, passou a ser contínuo, 24 horas por dia, e monitorado de forma on-line pelo Centro de Controle Operacional (CCO), com agilidade e controle em tempo real de todo os sistemas de distribuição. Essa iniciativa otimiza a distribuição, propiciando o abastecimento para os moradores dos pontos mais altos da cidade, que conviviam com constante falta d’água. A concessionária está desenvolvendo o projeto de Modelagem Hidráulica, que é a elaboração de um software com a réplica do sistema hidráulico da cidade, o que possibilitará prever as necessidades imediatas e futuras para melhoria e qualificação do sistema hidráulico.

 

Outra ação importante para a qualidade do abastecimento da cidade é a constante troca de redes obsoletas nos locais onde são realizados reparos. Em cada ponto aberto para reparo ou manutenção é feita a substituição da rede do local.

 

A cidade não possui sistema de coleta e tratamento de esgoto. A concessionária vai avançar para uma cobertura de 25% dos imóveis do município nos primeiros cinco anos de serviços, contribuindo para a qualidade de vida da população e preservando o meio ambiente, evitando que o esgoto sem tratamento seja despejado na bacia do Rio Paraíba do Sul. As obras de esgotamento sanitário terão início ainda este ano.

 

Entre 24 de fevereiro e 12 de março, Águas da Condessa realizou seu primeiro atendimento itinerante, percorrendo todos os bairros de Paraíba do Sul para esclarecer a população sobre a utilização dos canais digitais de relacionamento. Na ocasião, os 155 clientes atendidos também receberam material informativo sobre novas ligações, acompanhamento do hidrômetro, como evitar vazamentos e limpeza da caixa d´água.

 

A empresa disponibiliza diversos canais de relacionamento, além da loja de atendimento reformada e mais confortável para receber a população. Quem precisar solicitar qualquer serviço de saneamento pode entrar em contato com a Águas da Condessa por meio dos canais: WhatsApp (21) 97211-8064, aplicativo Cliente Águas, Chat Interativo, que está disponível no aplicativo e no site www.aguasdacondessa.com.br, ou pelo 0800 7217 067.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *