Águas de Jahu inaugura ETE Pouso Alegre

 

Águas de Jahu inaugurou, no dia 17 de dezembro, a Estação de Tratamento de Esgoto (ETE) Pouso Alegre e as obras de implantação de coletor-tronco de esgoto à margem do ribeirão Pouso Alegre. Com um investimento de R$ 2,1 milhões, Jaú atinge o índice de 99,8% de coleta, afastamento e tratamento de esgoto, estando a um passo da universalização.

Foram implantados cerca de 1.500 metros de coletor-tronco e construída uma estação elevatória, que transportará o esgoto para a ETE, onde será feito o tratamento, despoluindo, assim, o ribeirão.

Do total investido, R$ 1,3 milhão foi para a ETE e R$ 770 mil para o coletor, emissário, recalque e estação elevatória. A estação consiste em um sistema compacto de tanques fechados, com equipamentos produzidos em fiberglass de alta resistência mecânica. O sistema possui tecnologia de tratamento combinada, constituindo-se de unidade preliminar para remoção de sólidos grosseiros e areia, estação elevatória de esgoto inicial e tratamento secundário (composto por unidades biológicas anaeróbias). Em seguida, o resíduo passa por um sistema aeróbio com sopradores (lodos ativados), filtro de gases, tanque de desinfecção, unidade de medição de vazão e lançamento final em corpo receptor.

Todo o processo atende aos padrões e exigências legais nos âmbitos federal e regional.

O índice de 98,8% de coleta, afastamento e tratamento de esgoto de Jaú foi atingido no final de agosto, com a inauguração da ETE Potunduva, que despoluiu a bacia hidrográfica do distrito. Com a ETE Pouso Alegre, a concessionária está próxima da universalização dos serviços, que ocorrerá com a construção da ETE Vila Ribeiro, que aguarda autorização da Cetesb. A água tratada já é disponibilizada a 100% da população.

“Pouquíssimos municípios brasileiros contam com 100% de distribuição de água tratada e de tratamento de esgoto. Águas de Jahu, assim como todo o Grupo Águas do Brasil, tem a satisfação de fazer parte diretamente desse grande avanço da cidade. Sabemos de nossa responsabilidade, de acompanhar o crescimento do município e manter nosso maior compromisso, que é o de prestar os melhores serviços e levar qualidade de vida para a população”, afirma o superintendente da concessionária, Ivan Mininel.

O prefeito Rafael Agostini elogiou o trabalho da concessionária, enfatizando que graças à concessão foram feitos investimentos que o Saemja, órgão municipal então responsável pelo saneamento, não tinha condições de fazer, pois era deficitário. O prefeito citou estudo publicado pela revista Exame sobre melhores cidades para fazer negócios, e que coloca Jaú na 74ª posição. “Jaú entrou pela primeira vez nesse ranking em virtude da melhoria significativa no quesito saneamento, em especial a universalização do abastecimento de água e a expansão do sistema de tratamento de esgoto. Não só atingimos a universalização do abastecimento de água, como estamos perto de universalizar o serviço de esgoto. E a inauguração desta obra é um marco histórico para Pouso Alegre”, disse ele.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *