Águas de Juturnaíba promove reflorestamento com participação de crianças de Silva Jardim e colaboradores da empresa

Águas de Juturnaíba iniciou, no dia 25 de setembro, a 3ª etapa do projeto Revivendo Águas Claras, reflorestando a mata ciliar ao redor da represa de Juturnaíba com colaboradores que se voluntariaram a participar da ação. Já durante a semana, alunos das escolas municipais Omar Faria Alfradique e Maurília Moreira Carvalho, de Silva Jardim, receberam certificados de apadrinhamento de árvores que foram plantadas nessa ação.

 

Os certificados foram entregues às crianças pela escola junto dos materiais pedagógicos distribuídos pela prefeitura em suas próprias casas. No documento consta um QR Code para a criança acompanhar o desenvolvimento da muda que apadrinhou, assim como informações sobre a espécie e informações sobre a preservação do meio ambiente.

 

Os dez colaboradores que participaram do evento foram sorteados para que não houvesse aglomeração, devido à pandemia da Covid-19. Todo o evento foi feito respeitando o distanciamento social, uso de máscaras e respeitando as medidas de higiene, como a limpeza das mãos com álcool em gel.

 

“Apesar do caráter educacional importantíssimo, esse projeto de preservação e recuperação ambiental é o que garante a continuidade do abastecimento de qualidade de oito municípios da região. Além de ser uma forma de trazer o turismo ecológico para os municípios do entorno da represa e, ainda, uma forma de proteger diversas espécies de fauna e flora da região”, afirmou o superintendente da Águas de Juturnaíba, Carlos Gontijo.

 

A líder de QSSMAS, Nathalia Salustiano, comenta sobre os benefícios desse tipo de iniciativa.

 

“É possível verificar a cada visita os benefícios do reflorestamento para o meio ambiente, desde a redução de erosão do solo, impactando na qualidade da água da bacia hidrográfica, até o aumento da biodiversidade da fauna”, diz.

 

Para a recepcionista da concessionária, Paula Medeiros, é muito importante participar de ações desse tipo, pois é uma forma de devolver ao meio ambiente tudo o que ele nos proporciona.

 

“É uma forma de fazermos algo em resposta à queimada do pantanal e outras tragédias ambientais que vemos tão frequentemente”, conta.

 

O projeto Revivendo Águas Claras ocorre desde 2016 e já reflorestou mais de 6,5 hectares nas duas edições anteriores. Com o reflorestamento iniciado hoje, a concessionária estima que cerca de 10 hectares serão reflorestados.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *